Segue a gente lá no Insta!

sexta-feira, 8 de junho de 2018

Relembrando: Deadpool 1

09:38:00 1 Comments



Olá metmaorphyos! Este post vem direto do túnel do tempo, diretamente do antigo blog do Poison Make Up. Ele é totalmente o 'ctrl C+ ctrl V' mas em caráter de ficar guardado aqui e fazer um pouquinho mais de sentido para o próximo post ok?! <3

Olá pessoal! Tudo bem com vocês?! E hoje vim comentar com vocês o que achei do queridinho ou não, bem talvez do momento: Deadpool.
Relembrando: Deadpool 1
Fui assistir Deadpool no fim de semana do lançamento super ansiosa pelo o que veria afinal, foram diversos vídeos promocionais para divulgá-lo e, a mesma sensação do Star Wars sobre poder não ser nada do que esperava rolava na barriga... Mas...
Minha reação?! Wowwww! Per-fei-to!
Relembrando: Deadpool 1 - ficha técnica
OK, de antemão já digo, se você é menor de 18, não pera, 16 na verdade, porque ele conseguiu essa censura aqui e sem cortes, pare por aqui pois Deadpool é um filme nada aconselhável para menores... E não da para assistir muito em família afinal dá pra passar vergonha dependendo de quem estiver assistindo com você srsrs!
Vamos lá, o filme já começa bem nos primeiros minutos com as legendas dos créditos iniciais que são super hilárias e melhora com a sequência de ação.
Podemos dizer que desta vez o sr. Wade/Pool ficou excepcionalmente bem elaborado e caracterizado afinal, se você já leu as hq's do tio Dead vai saber do que estou falando.
    
Achei muito boa também a escolha do par romântico dele, a srta. Vanessa que também conseguia ser mais doentia e tão cômica quanto ele porém, achei que ela ficou pouco explorada a partir da metade do filme pro fim mas super aprovei, linda, divertida!

Colossus e a Negasonic legais também, aliás uma das cenas mais engraçadas fica  por conta do Colossus com Deadpool. A atuação foi boa e muda um pouco aquele estereótipo clichê dos X-men que vem sido criado.

Gente ele tira onda com tudo, sério, absolutamente tudo mesmo, até com ele mesmo! Lá no Legião de Heróis eles catalogaram mais de 50 easter eggs que aparecem no filme, pra quem quiser conferir é só clicar aqui!
Ah sim, temos um vilão qual o meu nome que me induz a comprar agora produtos de limpeza com referência srsrsrs não resisti, mas o Ajax deu um vilão maneiro sim, só achei a participação da Angel meio apagadinha mas ok...

Como bom filme da Marvel, fique e espere os créditos, há cena pós créditos e, psiu chega mais, não apenas uma, mas duas!

E a seguir um spoiler que acho que não atrapalhará se você ainda não viu: 
Sabemos que o Deadpool conversa com ele mesmo, se responde, e ali dentro tem umas duas 'vozes' adicionais além dele mesmo certo? Então, é ótimo ver que ele 'conversa' com a gente durante o filme, isso foi muito bem pensado! Ele conversa com a gente de dentro da própria lembrança <3

Por favor, prestem atenção também quando forem assistir no fofo do Stan Lee que não poderia deixar de dar sua graça no filme!

Com um orçamento considerado baixo para Hollywood  o mercenário tagarela já quebrou inúmeros recordes (dados de meados de fevereiro) e com certeza enquanto você está aqui podem rolar mais alguns:
 
Enfim, super resumidamente, SIM, Deadpool até agora é um dos melhores se eu não dizer o melhor filme adaptado de 'heróis' que vi até hoje e valeu cada centavo pago para assistir essa belezinha, mesmo ele não estando tão belo assim se é que me entender...
E vocês, assistiram o tio Dead? O que acharam? Contem pra mim a cena favorita de vocês, vamos conversar =D


  Até a próxima gente! =* Bru.

quinta-feira, 17 de maio de 2018

Vem conhecer - Pokémon Paper Cities

09:23:00 1 Comments
  Olá metamorphyos! Como você estão?! Sei que vocês curtem Pokémon e se eu contar que tem paper craft das cidades de Pokémon? Vocês já conhecem o projeto Pokémon Paper Cities? Então, continua comigo nesse post para saber mais!
   Imagine você, fã de Pokémon ter a possibilidade de ter as cidades da primeira região na sua casa. Com detalhes e bem elaboradas e que você mesmo possa por a mão na massa e montá-las?! Isso é possível, graças ao projeto Pokémon Paper Cities.

  O projeto é pessoal, do também fã, arquiteto e diretor de arte André Pinho. Sim metamorphyos, o André é brasileiro, acho que mais um ponto super bacana!

  A ideia é a reprodução das cidades da região de Kanto, as cidades da primeira temporada. No momento, estão disponíveis para download e impressão as cidades de Pallet e Viridian. Além disso, os arquivos estão disponíveis para impressão nos tamanho A3 e A4 juntamente com as instruções de montagem. Aguardando ansiosa pela cidade de Lavender.

  Segundo o André, a intenção é poder disponibilizar uma cidade por mês. Até o momento, o projeto se baseia apenas nas cidades de Kanto mas, o que não impede de futuramente ele estar criando as demais.

  Agora, vamos falar da parte que é boa pra todo mundo: esse projeto é disponibilizado de modo totalmente gratuito. Isso mesmo metamorphyos: é 0800!
Pokémon Paper Cities: A cidade aonde tudo começou.
Achei aqui.


Pokémon Paper Cities: casa do Ash!
Achei aqui.


Pokémon Paper Cities: a cidade de Pallet
Achei aqui.
Pokémon Paper Cities: as cidades de Kanto
Achei aqui.
 Você pode conferir mais do projeto nos links:


   Além disso, você também ajudar na divulgação do projeto e também ajudá-lo no Patreon, aonde ele disponibiliza alguns conteúdos exclusivos.

  E vocês metamorphyos, o que acharam desse projeto? Estão animados?! Eu já baixei minha Pallet para montar e depois compartilho com vocês lá no Instagram do blog. Já conheciam esse projeto? Já conheciam algum trabalho do André? Me contem!

Beijos e até!

Post indicação: Joyce Alves

sábado, 12 de maio de 2018

Joguinho Viciante: Harry Potter Hogwarts Mystery

23:49:00 1 Comments
  Salve metamorphyos! Como vocês estão? Acharam que não ia ter post deste joguinho por aqui não é?! Acharam errado! E o tão esperado game para mobilie de Harry Potter: Harry Potter Hogwarts Mystery chegou há duas semanas, e todo potterhead que se preze com certeza já deve ter baixado. Mas, se você ainda não conferiu, continua comigo nesse post que vou falar um pouco desse jogo!
Joguinho Viciante: Harry Potter Hogwarts Mystery
  Lançado no dia 25 de Abril deste ano, o tão esperado jogo que estava causando um certo barulho na comunidade potterhead e, tenho certeza que o hype para ele era absurdo. Sou daquelas que toda vez que a expectativa é grande por algo, fica com medo de se decepcionar mas, não me decepcionei!

  O jogo é oficial, desenvolvido pela Jam City Inc e possui o selo Portkey Games da Warner Bros. E, segundo a empresa Apptopia (plataforma de compra e venda de app) o jogo já rendeu em torno de 4 milhões de dólares!
Joguinho Viciante: Harry Potter Hogwarts Mystery - abertura jogo
  E como ele funciona? Bom, Harry Potter Hogwarts Mystery é um MMORPG, e como a maioria dos jogos de celular seu mecanismos é de energias para que as ações possam ser realizadas. Você finalmente recebe sua tão sonhada carta de Hgwarts! Tem a possibilidade de criar e personalizar seu avatar e escolher a casa que mais lhe agrada para fazer parte e claro que a Sonserina é a casa mais linda de todas! Sendo assim, você também participa das aulas de cada ano como Poções, Feitos, Voo, etc.
Joguinho Viciante: Harry Potter Hogwarts Mystery - a tão sonhada carta<3
Finalmente! <3
  Os eventos do jogo ocorrem após Harry se tornar o menino que sobreviveu porém, Harry é ainda um bebê e após a queda do Lord das Trevas.

  Conforme você realiza as tarefas, aulas e interações você ganha pontos para seu personagem e para a Taça das Casas. Os pontos direcionados aos personagens são de coragem (escudinho), empatia (coração) e conhecimento (livrinho) que interferem nas escolhas futuras que seu personagem poderá fazer.
Joguinho Viciante: Harry Potter Hogwarts Mystery - Chapéu Seletor
Tem de ser da melhor casa!
  Há também os duelos realizados. Aqui ao meu ver, consegui assimilá-lo apenas com 'pedra papel tesoura' mas sendo, na ordem de prioridade:
DEFENSIVO > AGRESSIVO
AGRESSIVO > SORRATEIRO
SORRATEIRO > DEFENSIVO
  Ressaltando que, para cada um desse que tem prioridade sobre o outro já as magias relacionadas a elas.

  Algumas aulas podem ter o tempo definido em 1, 3 ou 8 horas o que faz com que as estrelas obtidas sejam em maior quantidade quando a aula é efetuada em maior tempo.
Joguinho Viciante: Harry Potter Hogwarts Mystery - É hora do Duelo!
  Pelo fato de se tratar de um jogo de 'energia' para realização das tarefas, elas irão acabar. Você pode comprar mais com gemas, logo cash para gemas também. O tempo de recarga de cada energia é de 4 minutos. Mas, existem alguns pontos espalhados por Hogwarts. Você consegue obter 6 energias nesses 'passeios'. Os locais:
TORRE LESTE: quadro da mulher ao lado esquerdo da porta da Sala de Feitiços
TORRE OCIDENTAL: quadro de frutas ao lado esquerdo do Banheiro dos Monitores
PISO INFERIOR OESTE: o pilar de chamas que esta apagado ao lado direito da porta do Salão Principal.
PISO INFERIOR OESTE: continuando a direita, aonde estão as 3 estátuas de guardas, clique na estátua do meio.
PISO INFERIOR LESTE: banco ao lado da porta da Biblioteca nos livros espalhados sobre o banco.
MASMORRAS: no Elfo Doméstico que está encostado na parede ao lado direito do corretor da Cozinha
TERRAS DO CASTELO: indo para a direita no cenário, haverá um graveto no chão ao lado direito esquerdo da Cabana do Hagrid.

  Um conselho importante: vincule seu jogo a conta do Facebook pois caso você tente entrar no jogo e você esteja desconectado ele meio que reseta então, você pode puxar o seu save da conta do Face <3
  Vale um desabafo pessoal agora?! Rsrs Não dei nota máxima no jogo mesmo amando o jogo pois o esquema de energia acaba com o meu ritmo de jogo. Mas o desabafo em si era: eles estão de parabéns por conseguirem incluir um personagem ao qual a gente a sinta tanto ranço. Se você está jogando sabe de quem estou falando né?! Comenta comigo sobre!
  E vocês metamorphyos? Estão jogando Harry Potter Hogwarts Mystery? O que vocês estão achando? Qual casa vocês estão? Em qual ano? Me contem!


Beijos e até!

Bru.

domingo, 6 de maio de 2018

Tag Musical: 30 Músicas

12:51:00 1 Comments
  Olá metamorphyos! Como vocês estão?! O post de hoje é sobre música: vamos de tag musical! Com certeza vocês já devem ter visto por aí as pessoas a respondendo, são 30 músicas em 30 dias, cada dia com um tema diferente mas... Resolvi compilar tudo em um único post. Então, fica comigo e vem conhecer algumas músicas que, na minha opinião, se encaixam nessa tag e também conhecer músicas novas!
1 - Uma música com uma cor no título.
Ovelha Negra (Rita Lee)

"...foi quando meu pai me disse: 'filha, você é a Ovelha Negra da família, agora é hora de você assumir...'

2 - Uma música com número no título.
23 (Shakira)

"...Deus sabe que sou uma boa dançarina, meus pés se movem conforme a música que ele toca ,as houve momentos em que eu pedi por uma resposta quando ele estava agindo de forma misteriosa..."

3 - Uma música que te lembre verão.
 Good Time (Carly Rae Jepsen)

"...bom dia e boa noite. Eu acordo ao crepúsculo. vai ficar tudo bem..."
4 - Uma música que te lembra alguém que você preferia esquecer.
-

5 - Uma música que deve ser tocada alta.
I'll Come Crashing (A Giant Dog)

"Nada na minha natureza me diz para não fazer coisas ruins, eu sei que eu realmente deveria ser bom hoje à noite..."

6 - Uma música que te faz dançar.
Andas em Mi Cabeza ( Chino y Nacho)
"...Se você se for o amor morre. Aquele que você me dá e a dor vem. Serei um vagabundo sozinho neste mundo, sem rumo, sem rumo..."

7 - Uma música para dirigir.
 Carry On Wayward Son (Kansas)

"...Siga em frente, meu filho rebelde, haverá paz quando você tiver terminado, repouse sua cabeça cansada. Não chore mais (não!)..."

8 - Uma música sobre álcool e drogas.
Just Like a Pill (Pink)

"...Eu acho que vou sair daqui, correr o mais rápido que puder para o meio do nada, para o meio de meus medos frustrados, e eu juro que você é como uma pílula, ao invés de me fazer melhor você continua me deixando doente..."

9 - Uma música que te deixa triste.
Não Aprendi Dizer Adeus (Leandro e Leonardo)

"...Não tenho nada pra diz er só o silêncio vai falar por mim, eu sei guardar a minha dor e apesar de tanto amor..."

11 - Uma música que você nunca vai enjoar.
I'll Be There For You (The Rembrandts)

"...Você ainda na cama às 10 e o trabalho começou as 8. Você queimou seu café da manhã. As coisas indo bem. Sua mãe lhe avisou que haveria dias assim porém ela não lhe disse quando o mundo te levaria a ficar de joelhos..."

12 - Uma música da sua pré adolescência. 
Numb (Linkin Park)

"...Eu me tornei tão insensível, não posso te sentir aí. Fiquei tão cansado, tão mais consciente..."

13 - Uma música que você gosta dos anos 70.
Dancing Queen (ABBA)

"...Rainha da dança, sinta a batida do tamborim. Você pode dançar, você pode se esbaldar. Aproveitar o melhor momento de sua vida..."

14 - Uma música que você gostaria que tocasse no seu casamento.
Música tema Harry Potter
Se não for pra entrar com essa música, me desculpem mas, eu não caso <3

15 - Uma música que você gosta e é um cover de outro artista.
Ordinary World (Duran Duran) - Versão para o jogo Evil Within 2

".... O que aconteceu com isso tudo? Loucura, alguns diriam. Onde está a vida que eu reconheço? Foi embora."

16 - Uma música hit que seja favorita.
Despacito (Luis Fonsi)

"...Sim, você sabe que eu estive te observando. Tenho que dançar com você hoje. Vi que seus olhos já estavam me chamando, me mostre o caminho que eu vou.." 

17 -  Uma música que você cantaria em um dueto no karaokê.
Cruisin' (versão de Huey Lewis & Gwyneth Paltrow)
"... Deixe a musica controlar sua mente, apenas relaxe e descobrirá, musica é tocada para o amor..."

18 - Uma música do ano que você nasceu.
Apenas Mais Uma de Amor (Lulu Santos)

"..Se amanhã não for nada disso, caberá só a mim esquecer. O que eu ganho, o que eu perco ninguém precisa saber..."

19 - Uma música que faz você pensar na vida.
 Marvin (Titãs)
"...E então um dia uma forte chuva veio e acabou com o trabalho de um ano inteiro. E aos treze anos de idade eu sentia todo o peso do mundo em minhas costas, eu queria jogar, mas perdi a aposta..."

20 - Uma música que tem vários significados para você.
Run (P!nk)

"Lembre-se de acreditar em você e em todas as coisas que disse que eu faria. Eu não iria machucá-lo como o mundo fez comigo. Te manteria seguro, te manteria doce..."

21 - Uma música que tem o nome de alguém no título.
Camila, Camila (Nenhum de Nós)

"Depois da última noite de festa, chorando e esperando amanhecer, amanhecer. As coisas aconteciam com alguma explicação, com alguma explicação..."

22 - Uma música que te coloca pra cima.
p One Step at Time (Jordin Sparks)

"... Nós vivemos e aprendemos a dar um passo de cada vez. Não precisa se apressar. É como aprender a voar, ou se apaixonar; vai acontecer quando tiver que acontecer. Aí nós descobrimos por que um passo de cada vez..."

23 - Uma música que todo mundo deveria escutar.
Sakasama no Chou (Hell Girl)

"Nesta loucura, incertamente. Os sentimentos de cada pessoa, quando poderemos deixar pra trás? Nessa loucura, você me deu vida..."

24 - Uma música de uma banda que você gostaria que ainda estivesse junta.
Estranho Jeito de Amar (Sandy e Junior)

"Falsas promessas, erros tão banais, mas ninguém cede e pensa em voltar atrás..."

25 - Uma música de um artista que não está mais vivo.
Por Enquanto (Cássia Eller)
"Mesmo com tantos motivos pra deixar tudo como está. Nem desistir, nem tentar agora tanto faz, estamos indo de volta pra casa..."

26 - Uma música que te dá vontade de se apaixonar.
I'm Yors (Jason Marz)

"... Bem, abra sua mente e veja como eu. Considere outros planos e caramba, você se libertará .Olhe para seu coração e encontrará amor, amor, amor..."

27 - Uma música que machuca seu coração.
I Don't Believe You (P!nk)

"...Eu não me importo. Eu continuo não me importando mais. É como um desses sonhos ruins, quando você não pode acordar. Parece que você desistiu, você teve o suficiente mas eu quero mais, eu não quero parar. Porque eu sei que você estará por perto, certo?..."

28 - Uma música de um artista que você amo a voz.
Golden Age (Woodkid)
"... Alguma vez você já sonhou que perderíamos as manhãs ao sol? Os parques infantis nas ruas? A felicidade da terra do descanso?..."

29 - Uma música que você se lembra da infância.
Paisagem da Janela (Beto Guedes)

"Da janela lateral do quarto de dormir, vejo uma igreja um sinal de glória. Vejo um muro branco e um vôo, pássaro, vejo uma grade, um velho sinal..."

30 - Uma música que te lembra você mesma.
Fukin' Perfect (P!nk)

"Segui o caminho errado uma ou duas vezes. Cavei até conseguir sair. Sangue e fogo, decisões ruins. Tudo bem. Bem vindo à minha vida boba..."

  E vocês metamorphyos? Já fizeram esse desafio musical? Se já me fizeram me contem aonde pois quero saber das músicas que escolheram. Conheciam as que coloquei aqui? Gostam ou detestam alguma? Vocês curtem posts musicais?! Me contem!

Beijos e até!

Bru.

terça-feira, 24 de abril de 2018

Dorama: Black

18:25:00 3 Comments
  Salve metamorphyos! Como vocês estão?! Doramas nunca me chamaram atenção como as séries convencionais, mas não podemos dizer que nunca assistiremos algo diferente certo? Pois pra quem sempre tinha um pé atrás com doramas e venho aqui hoje falar de um que me conquistou de jeito e com méritos para o meu primeiro dorama: Black. Continua comigo pra  saber mais!
  Dá o play na música abaixo, enquanto lê a resenha, a música é parte da trilha sonora do dorama e é bem gostosinha de se ouvir.
 Ficha Técnica
Título Original: Beulraek
Título Traduzido: Black
Estreia: 14 de outubro de 2017
Direção:  Kim Hong Sun
Roteiro: Choi Ran
Gênero: Suspense, Romance, Thriller
Episódios: 16
País de Origem: Coreia do Sul
Elenco: Go Ah-Ra, Song Seung Heon, Heo Jae Ho,
Jo Jae Yoon, Jung Suk Yong, Kim Dong Jun,
Kim Jae-Young, Kim Won Hae, Lee Cheol-Min,
Lee El, Oh Cho Hee, Park Doo Shik, Park Ki-Ryoong.

  Black é um dorama novo, de 2017 e está no catálogo da nossa queridinha Netflix - Netflix, me patrocina <3 - A história gira em torno de Ha-Ram (Go AhRa), uma jovem com podes mediúnicos que se julga amaldiçoada por conseguir enxergar as chamadas 'sombras das morte' nas pessoas desde criança. Quando Ha-Ram encosta em uma sombra, ela consegue ter um vislumbre de como a pessoa irá morrer.
'Meus olhos são uma maldição.'
  Ela é uma jovem forte e determinada, com personalidade e que não desiste apesar das coisas em sua vida não saírem bem como ela deseja e ela acaba por culpar seu dom por tal infelicidade.

  Porém, sua vida acaba se cruzando com a do detetive Han Moo-Gang (Song Seung Heon). Detetive o qual é extremamente desastrado e não lida bem com as cenas de crime as quais a sua divisão precisa investigar.

  Enquanto águas correm por debaixo da ponte, somos apresentados a outras personagens como o ceifador 444 (Kim Tae-Woo), o melhor no seu ramo, frio e calculista e que mais para frente será intitulado como 'Black', que passa a ter um peso muito grande na trama.
444
  Falando de outro personagem que ao meu ver tem um certo peso na trama é Oh Man-Soo (Kim Dong-Jun) que é o filho mais novo de um magnata dos negócios e que acaba por se tornar chefe e amigo de Ha-Ram. E, na minha opinião, cá está um personagem que não há como não gostar e, mesmo no momento da história em que você se questiona o quão bom ele é, ele te convence a gostar dele por suas atitudes.

  Claro que há diversos outros personagens incríveis na trama e que te envolvem com suas próprias histórias. Fazendo você criar uma empatia, ou não, por cada um, cada qual com suas peculiaridades, mostrando o quão cada um é importante para o desenrolar da situação.
Achei aqui
  O dorama flui de modo envolvente, no qual cada episódio - apesar de até que longos, em torno de 60 a 90 minutos alguns - consegue te prender, te manter atento a cada detalhe. Ele consegue te jogar uma dúvida e te responder outra anterior no episódio, desse modo, nunca deixando pontas soltas. O mistério, o suspense, é inteligente fazendo tudo estar relacionado e não sendo tão óbvio. As amizades são bonitas e os romances no ponto. A parte de sobrenatural da trama é dosada corretamente, fazendo você aceitá-la e sendo sutil no desenrolar da história por isso, não espere por efeitos especiais fantásticos, como disse, a parte do sobrenatural é dosada, os efeitos são coerentes e não ficam forçados.

  Vale reforçar, que como vemos muitos doramas com temática mais 'meiga', não espere isso de Black. Apesar dos pontos altos de humor e a boa atuação de cada ator, a história trata de temas mais complicados além da morte por si só como: assassinatos, mentiras, prostituição infantil, corrupção, culpas...
Fiquem com esse elenco lindo <3
  Sobre o final? Bom, eu particularmente torci por um final diferente. Longe que o final tenha sido ruim ok? Mas a gente acaba torcendo por outro desfecho apesar de compreender o que foi tomado.

  Vale a pena assistir Black? Vale sim, se você curte um bom drama com doses de humor e sobrenatural. Prestante atenção no caso principal o dorama consegue prender a atenção de quem o assiste apesar de que, por serem episódios grandes como citei, para algumas pessoas talvez fique um pouco cansativo ver um episódio de uma única vez.
  E vocês metmaorphyos? Já haviam visto Black? O que acharam? Me contem, vamos comentar! E se você ainda não viu, ficou curiosos? Algum outro dorama bom para me indicarem?! Comentem!

Beijos e até!

Bru.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Um papo sobre RPG e jogando em Stream

21:49:00 5 Comments
  Olá metamorphyos! Como vocês estão?! Hoje quero falar com vocês um pouco sobre RPG de mesa, de alguns benefícios que ele nos traz e falar um pouco da minha experiência com essa modalidade de jogo e também de como foi minha primeira experiência jogando um RPG em stream. Então, continua comigo pra saber mais sobre esse incrível universo que é o RPG!
  Do ponto de início primário, um resumo rápido e prático do que é RPG para quem não sabe: 
  Mas vamos aos pontos que queria levantar neste post: o porque acho importante a prática saudável de se jogar RPG.

  - O RPG te estimula a ler. Acredite, por mais noção que você tenha do sistema que irá jogar, você sempre se pegará lendo algo para tirar alguma dúvida que bate ou para relembrar algo.

  - Além da leitura, sua interpretação, percepção e criatividade melhoram. Lidar com as situações impostas durante o jogo e se colocar com uma personagem diferente fazem você pensar - outras vezes fazem você fritar seu cérebro - para encontrar as soluções necessárias.

  - Você pode realizar feitos incríveis e mirabolantes com todos os efeitos 'visuais' que você - e o mestre - se permitir a criar!
Seja um caçador astuto, um valente cavaleiro, um nobre clérigo, um poderoso mago ou um furtivo ladino.

  - Socialização. Não dá pra negar, é impossível jogar RPG e não ter interação social. Deste modo, mesmo que acabemos por ter um grupo tantas vezes formados, conhecemos pessoas novas mesmo que seja para troca de informações e esclarecimento de dúvidas.

  - Se socializar faz parte, trabalho em grupo é outro ponto em alta.

  - Lembre-se, é um jogo: tem de ser saudável! Não adianta se irritar, não é pra dar briga, às vezes vai depender muito da sorte de todos por melhor que vocês tentem fazer.

  - Todo mundo sempre aprende algo. Seja como jogador ou como mestre sempre aprendemos algo novo. Seja lidando com situações adversas ou solucionando-as, ou até mesmo ajudando com algo que pode ser aplicado em outras áreas.

  - Talvez para quem veja de fora não seja tão incrível e divertido como para quem esteja participando do jogo. Acho que vale a pena quem nunca experimentou essa modalidade de jogo estar jogando ao menos uma vez para ver como funciona, na dinâmica de jogo é algo muito diferente.
Humanos, elfos, anões, helflings, draconatos...
  E por favor, não acreditem quando falarem que é um jogo do demônio, que influência a coisas ruins. Se uma pessoa tem tendências a fazer coisas erradas e ruins ela vai fazer e dirá que foi influenciada pelo Bob Esponja, então, por favor...

  Outra coisa bem bacana é que qualquer idade e pessoa pode estar jogando, desde que já tenha uma noção de leitura, que ajuda muito, pode estar jogando uma aventura que se adapte a idade e o ambiente desde que tenha boa vontade e interesse!

  Agora, falando da minha pessoa, meu primeiro contato com RPG foi no formato PBF (digamos que e o RPG escrito!) através de fórum, joguei muito tempo no fórum da Fale RPG, local aonde aprendi muito e conheci muitas pessoas. Mesmo assim, respeitando sistema e interpretação. Depois de alguns anos tive a oportunidade de jogar presencialmente, e nos últimos anos conseguir reunir alguns amigos e formar uma 'mesa' mesmo que casual. Então a gente passa a ter um pouco de ideia do que fazer enquanto joga mas, estar entre conhecidos e num ambiente que você está acostumado é algo muito mais tranquilo.
Ficha - Sistema Tormenta

  No mês de fevereiro deste ano, o site Casa Velha RPG realizou um especial aonde quase todos os dias do mês seriam transmitidas stream de partidas. Tive a honra de ser convidada de poder participar de uma partida dual shot (uma aventura que tem início, meio e fim apenas em dois encontros). Posso dizer que a cabeça da pessoa aqui quase explodiu devido ao misto de ansiedade, nervoso, dúvida e felicidade.
  Por sorte tanto mestre quanto meus colegas de mesa foram incríveis e pacientes! O tema do RPG foi baseado no universo de Overwatch e, nós fomos o legado, a próxima geração, os Youngwatch. O sistema de jogo utilizado foi o de Mutantes e Malfeitores que até então eu nunca havia jogado.

  Agora, se aventurar a jogar em stream foi algo totalmente diferente par mim. Foi sair totalmente da minha zona de conforto. Acho que já falei em outras ocasiões sobre ter problemas em falar em público e o quanto o blog já me ajudou com isso. No início, gravar os vídeos para o canal era algo assustador mas que melhorou com o tempo. Massss, jogar ao vivo algo que é novo para você, bom, chega a ser aterrorizante porém, valeu absurdamente a experiência mesmo com medo de jogar errado e mal. Se eu não tivesse me arriscado nessa aventura, teria perdido uma oportunidade incrível. Foi a oportunidade de conhecer um sistema novo, com pessoas novas, um cenário que eu fiquei encantada e que valeu a pena o tempo para montagem de ficha e conhecer, mesmo que não tão a fundo, o sistema.
Junte seu grupo de amigos e aventureiros por mundos jamais explorados!
  Caso vocês queiram saber mais, indico esse canal: Formação Fireball, onde eles explicam de forma clara classes e sistemas. O site Taverna do Elfo onde vocês encontram muito conteúdo, sistemas, adaptações... E esses dois fóruns para jogar online, não como mesa mas como pbf que é escrito e interpretado: Fale RPG e Casa Velha RPG.

  E claro, eu não poderia deixar de compartilhar com vocês os para os dois dias de stream que jogamos, são quase 9 horas de jogo mas quem animar de ver =p

   

E vocês metamorphyos? São jogadores de RPG? Sim? Não? Ficaram curiosos? Qual seu sistema favorito? E sua raça favorita?! Me contem!

E aqui o meu agradecimento especial ao pessoal do
Casa Velha pelo convite. Ao mestre Ximu que com
toda paciência do mundo me aceito na sua mesa e
nos deu uma aventura fantástica. Aos meus
companheiros de mesa Cristiano e Lívio. A minha
amiga Carol que também estava comigo na mesa
e pra me socorrer nas dúvidas e nos momentos
de desespero e por me apresentar esse universo
que é o RPG.
Beijos e até!

Bru.